11
mar
10

Os Porsches e o vídeo game pt-2

Pois bem leitores, lembrar da minha inspiração ao escrever meu artigo na quarta passada? Pois bem, foi tão grande a conspiração universal para eu continuar com meu artigo, que hoje novamente, os mesmos protagonistas da semana passada me deram as caras. A Cay e O Cay. E lá vou eu, com os Porsches e os Video Games parte II.

Need For Speed Porsche 2000

Vou me ater a minha opinião pessoal. O jogo que data do ano que vem em seu nome não é o melhor da série Need For Speed pra mim de uma forma geral (Ta vendo que eu to sendo imparcial) mas com certeza marcou. Se o jogo tivesse uma releitura hoje, com todos os carros e as atualizações de gráficos e outros efeitos de modernidade, aí sim, sem dúvida seria não só o melhor dos Needs, mas o melhor dos jogos.

Mas esse jogo é fascinante do inicio ao fim, sem duvidas.

Dividido em duas modalidades de jogo, “Piloto de Fábrica” ou “Historia da Porsche”, você estava nas pistas mais fascinantes, com belas paisagens e o melhores carros do mundo.

Piloto de Fábrica – Nessa modalidade, você era um piloto recém contratado pela montadora, pra executar os testes mais improváveis com os bólidos, desde entregar o carro de um cliente importante a tempo, sem danos, mesmo que isso implicasse em infringir algumas regras e fugir da policia até passar por testes de segurança dos modelos recém lançados. Se tivesse um defeito e o carro explodisse, só lamento.

História da Porsche – A outra modalidade era muito divertida sim, mas não posso negas que essa é absolutamente PERFEITA! Você começa com seu 356 surrado, na sucata mesmo, e a cada corrida que você vai ganhando, você pode ir aprimorando seu carro em peças, pintura, estilo e etc (Quem foi que disse que a personalização começou com o Undergroud? Tsc tsc, a Porsche é sempre a pioneira.) A cada estágio completo você vai desbloqueando os carros mas novos, e veja bem, o jogo conta com todos os carros, eu disse TODOS, de 1950 até 2000, até com suas ramificações (928, 944, 911, Boxster, Turbos, S, 4S, 4, Targa, Cabrio. Etc, etc, etc.) E o melhor de tudo, a cada nova etapa concluída, uma história completa com vídeos e fotos mostra passo a passo a vida e a obra do Mestre Ferry, ou seja, após o jogo, até um leigo sai um Porschista de primeira. Nessa modalidade eu cheguei até idos dos anos 90. Demorava muito, era bom, mas nunca fui muito de terminar os jogos. Eu também já conhecia a história, ai, sabe como é, ficou difícil, deu “preguiça”.

Como Já citado, o Need Porsche é até hoje considerado um dos melhores Needs, e é mais do que recomendado tanto pros fãns da marca, como pros fãns de carros em geral, ou apenas pra quem quer um pouco de diversão.

Você nunca jogou? Tenta lá! É um jogo pequeno que roda em qualquer Pc de hoje. É Diversão e conhecimento garantidos ou seu dinheiro de volta.

Semana que vem tem a parte final, com a Porsche e os jogos de hoje, além dos não licenciados.

Valeu

Thyerry

Anúncios

0 Responses to “Os Porsches e o vídeo game pt-2”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: